Aproximadamente 1,3 milhão curtiram a queima de fogos que durou 18 minutos de espetáculo

Fortalezenses e turistas de todas a partes do mundo curtiram a tradicional contagem regressiva da virada do ano no Aterro da Praia de Iracema, em Fortaleza. A festa animada por mais de dez atrações iniciou com o sol se despedindo de 2017, às 17 horas, e está prevista para se encerrar com o primeiro sol de 2018.

A contagem regressiva foi puxada pelo humorista Tirullipa, que animou e interagiu com o público fazendo piadas. No palco montado no local, a dupla Simone e Simaria continuou o show após a virada. As irmãs subiram no palco cantando sucessos como “Regime fechado” e “Duvido você não tomar uma”.

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, celebrou o sucesso da festa. “Tudo isso gera um impacto importante para a cidade. O que se gera de empregos, de oportunidades e receita é algo muito valioso. Estou muito feliz. A gente tem aprendido e melhorado a cada ano o evento. Temos uma estrutura de segurança, transporte, trânsito e saúde muito boa, exatamente para que a festa seja confortável”.

Atrações

Gustavo Serpa, Felipe Adjafre e Fábio Carneirinho abriram os shows, sendo seguidos por Marcos Lessa. O cantor Luan Santana, que já tem cadeira cativa no réveillon da Capital cearense, subiu no palco cedo, por volta nas 19h20min.

O DJ Alok, que não cobrou cachê para animar a multidão, veio em seguida, abrindo espaço para a atração mais cara do show: Wesley Safadão. O forrozeiro apostou em novos hits e tirou selfies com fãs em cima do palco. De lá, ele seguiu para a festa do Marina Park, com público estimado de 5,5 milhões de pessoas.

Xand Avião foi o último a cantar antes da queima de fogos. Ele misturou músicas do novo repertório com as já consagradas do Aviões do Forró, banda que dividia com Solange Almeida. Quem comandou a queima de fogos foi o ator e humorista Tirullipa. No momento da virada, poucos abraços e muitas selfies e câmeras voltadas para o céu.

Simone e Simaria, Capital Inicial, Selvagens à Procura da Lei e Chico Pessoa tocam em seguida. Quem encerra a festa são os blocos Luxo d’Aldeia e Unidos da Cachorra, prenunciando que, em menos de dois meses, as ruas se enchem e se pintam novamente para o carnaval.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here