O ataque ao militar aconteceu no momento em que ele seguia para seu carro, na porta da pizzaria

Tenente 10

           O corpo do assaltante ficou próximo ao carro do oficial. O comparsa fugiu rapidamente

Um oficial do Exército Brasileiro reagiu a uma tentativa de assalto na noite desta quarta-feira (10) e acabou matando um dos criminosos que o abordaram na saída de uma pizzaria, no bairro Sapiranga-Coité. Outro assaltante, que já estava dentro do carro do militar pronto para roubar o veículo fugiu ao ver o comparsa baleado.

Era por volta de 21 horas, quando o militar (identidade preservada) saía do estabelecimento comercial com uma pizza nas mãos. Ao se dirigir para seu carro foi atacado por uma dupla armada. Os criminosos obrigaram o tenente a entregar as chaves do carro. Ele obedeceu, mas teve a habilidade de sacar sua arma e atirar contra os ladrões.

Um dos bandidos baleados caiu morto próximo ao carro do militar, ele usava um simulacro de pistola; enquanto o comparsa, que já estava dentro do automóvel, quebrou um dos vidros laterais e fugiu, deixando para trás o parceiro de crimes, que teve morte imediata.

Mais crimes

Além do caso ocorrido na Sapiranga-Coité, a Polícia registrou mais 16 assassinatos na Grande Fortaleza na quarta-feira

Na Capital, os homicídios ocorreram nos seguintes bairros: Antônio Bezerra (Viaduto da Avenida Mister Hull), Mondubim (Rua Joaquim Alfredo), Vila Manoel Sátiro (Rua Creuza Roque), Cristo Redentor (Rua Felipe Camarão), Álvaro Weyne, Granja Lisboa, Benfica (Rua Caio Prado), Passaré (Avenida dos Paraoaras), Elleri (Rua Almeida Filho), e Carlito Pamplona (Rua Pedro Artur).

Na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) foram mais seis assassinatos nos seguintes Municípios: Caucaia (nos bairros São Miguel e Bom Jesus), Guaiúba, Pacajus (bairro Banguê) e  Maranguape (bairro Outra Branda).

No Interior do estado, as autoridades registrada nesta quarta-feira (10)  nos municípios de Mauriti (bairro Bela Vista) e Varjota (Centro).

COMPARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Esse Estatuto do Desarmamento de cidadãos de bem para facilitar as ac5oes da bandagem nao contribui com absolutamente nada para a segurança da sociedade. Uma falácia! Uma vergonha! Aplausos para o Oficial do Exército brasileiro que à luz da lei promoveu a sua defesa pessoal, agindo em prol da sua integridade física e de seu patrimônio.

  2. O Brasil tem jeito sim!
    Chega! Vamos mudar essa coisa de politicamente correto, de direitos humanos para essa bandidagem!!
    Logo essa gente nojenta ( Marias dos Rosários) irão se pronunciar, recriminando a atitude corajosa deste tenente e idolatrando esse vagabundo que felizmente foi para a vala.
    Vamos mudar isso!!
    Temos que mudar!!
    Não tem outra opção!!
    Bolsonaro Sim!!!

  3. A ditadura do desarmamento foi idealizada pela ditadura do crime que se instalou no Brasil desde Fernando Henrique Cardoso que em 1990 Junto com aquele estelionatario político com nome de molusco idealizaram o foro de São Paulo unidos com Fidel Castro. O Estatuto do desarmamento nasceu desta facção criminosa que aplicou esse estatuto em toda a América latina em todos os países assossiados a essa facção criminosa chamada foro de São Paulo… Por isso esse estatuto não tem propósitos nenhum para com a sociedade e nem de diminuir a criminalidade, pelo contrário, seu propósito é fortalecer o crime organizado, o narcotráfico, idiotizacão nas escolas, formando soldadinhos zumbis drogados… É desconstruir a Nação… Não venham tentar me enganar com outra definição, a mim ninguém engana não. Desista comunista. Eu e meus irmãos cedo ou tarde te derrubar emos no campo de batalha…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here